25 Outubro 2005

O Violoncelo

O violoncelo pertence aos cordofones que, como o nome indica, englobam os instrumentos em que o som é produzido através da vibração de uma corda, seja ela percutida (piano), beliscada (guitarra) ou friccionada (violino, viola de arco, violoncelo, contrabaixo, etc).
De uma maneira simples poder-se-á dizer que o violoncelo é uma viola de arco que se toca em posição vertical, pois devido ao seu tamanho (a caixa de ressonância possui cerca de 75 cm de comprimento) é evidentemente impossível colocá-lo no ombro. O violoncelo está afinado uma oitava abaixo (mais grave) do que a viola de arco e o seu arco é mais curto.

O violoncelo, sucessor da viola da gamba, surgiu no Séc. XVI, mas só no princípio do Séc. XVII ocupou um lugar de destaque, nomeadamente fazendo parte do Baixo Contínuo barroco. O Baixo Contínuo era um sistema de acompanhamento de outros instrumentos que incluia, normalmente, um instrumento de tecla (cravo ou órgão) e um instrumento grave (violoncelo ou fagote).
A partir do início do Séc. XVIII começaram a surgir obras para violoncelo solo. No período romântico, as possibilidades expressivas deste foram exploradas ao máximo, como por exemplo no Cisne do Carnaval dos Animais de Saint-Saënts.
Numa orquestra sinfónica, os violoncelos desempenham um papel muito importanto, tocando ora o baixo, juntamente com os contrabaixos, ora a melodia.

Nas orquestras filarmónicas o número de violoncelos ultrapassa muitas vezes uma dezena. Este é também o caso da Orquestra Filarmónica de Berlim, na qual tocam 12 violoncelistas. Estes violoncelistas juntaram-se e formaram um grupo denominado "Die 12 Cellisten der Berliner Philarmoniker", o qual foi recentemente distinguido com um dos reputados prémios Echo Klassik 2005 (encontram aqui a lista completa dos discos premiados este ano).
Seguidamente, poderão ver imagens da actuação deste agrupamento no espectáculo de entrega dos prémios Echo Klassik. O tema escolhido demonstra a enorme versatilidade deste instrumento que consegue reproduzir até a sonoridade da gaita de beiços.

Para visualizar este vídeo, deverá utilizar o Internet Explorer e ter o Windows Media Player versão 9 (ou superior) instalado.



Tema do filme Era uma vez no Oeste de Ennio Morricone

Alguns sites de interesse:

Wikipedia - Cello
The Cello Page

(Nota: Anna Netrebko e Rolando Villazon, protagonistas da versão da Traviata aqui apresentada, foram também distinguidos com um prémio Echo Klassik)

13 Comments:

Blogger wind said...

Muito bom! beijos

25/10/05 14:14  
Blogger andorinha said...

Adorei!
Os vossos posts com video são o máximo.
Beijinhos.:)

25/10/05 19:23  
Anonymous Mi said...

Viktor,

E a alma do violoncelo? É uma peça assim tão importante como dizem?

Vou deixar aqui o famoso The King e para quem quiser aperfeiçoar o vibrato: Good Vibrations.

27/10/05 16:39  
Blogger JMTeles da Silva said...

Para mim o violoncelo é um pouco como a cerveja, tem de se ouvir bastante até se começar a gostar. Isto é uma opinião muito pessoal e vale o que vale. O que não impede de eu apreciar e aplaudir sem reservas este maravilhoso blogue.

28/10/05 14:38  
Blogger viktor said...

Olá Wind, Andorinha, Mi e Jmteles da Silva,

Obrigado pelas vossas achegas. De facto o violoncelo é um instrumento fantástico. Quanto à "alma", peça cilindrica que se encontra dentro da caixa de ressonância, é um dos elementos essenciais na construção de um bom violoncelo.

28/10/05 19:38  
Blogger Elvira Bill said...

Hoje vim através da Maria;)
Sempre boa música em tudo o que é sítio.

O violoncelo é dos meus instrumentos favoritos.
Tenho a vaga impressão de já haver comentado aqui, este mesmo post.

Enganei-me, estive a ver e a ouvir e esqueci-me de comentar.

Só pode ser...

1/11/05 00:27  
Blogger stillforty said...

Da outra vez consegui ver e ouvir, hoje não. Deve ser do meu computador, tem a memória em baixo.
Beijos

1/11/05 00:30  
Blogger Mitsou said...

O que eu tenho perdido. Mas depressa recupero, juro :)

Beijinhos meus queridos!

1/11/05 20:24  
Anonymous henrique doria said...

As suites para violoncelo de Bach, pelo M Maisky são do que há de mais belo no mundo. Creio que o violoncelo é o instrumento que me está mais próximo.Beijos Pamina.

1/11/05 22:45  
Anonymous Mi said...

Tenho outra sugestão quanto às suites para viloncelo: experimentem ouvi-las aqui tocadas pelo António Meneses. :)

2/11/05 04:37  
Blogger ChrisWoznitza said...

Hi I´m Chris. Greatings from Germany Bottrop !!

2/11/05 20:32  
Blogger amok_she said...

...gosto da vertente pedagógica deste blog...da outra vez q cá estive ñ me apercebi bem...esta coisa das explicações...ajudam sempre, né!?;-)

...veremos q consigo aprender alguma coisa, dura como sou...

beijos para vc.s dois...

11/11/05 20:11  
Anonymous Isabella Paixão said...

eu gostei muito sou violoncelista (:
vcs mandaram bem nessa ai (:
beijo ;*

25/3/09 00:58  

Enviar um comentário

<< Home